HISTORIA PEGACHA

“ENCONTROS COM A MINHA TERRA”

Pego, a Aldeia das Casas Baixas, é uma terra já com muita história sendo uma das mais antigas e importantes terras do concelho de Abrantes já havendo referencia a “…uma povoação com o nome de Pego..., nos surge supra referida num documento de 1332, portanto no século XIV.”, ou seja a aldeia do Pego como povoação já existe à 700 anos.

A história da “Aldeia das Casas Baixas” já é bastante longa, no entanto também bastante dispersa. “ENCONTROS COM A MINHA TERRA” é a busca desses pedaços de história e conjugá-los num só lugar.

"O conhecimento torna a alma jovem e diminui a amargura da velhice. Colhe, pois, a sabedoria. Armazena suavidade para o amanhã." (Autor - Leonardo da Vinci)

Coloco aqui alguns dos artigos já pesquisados e publicados neste Blog, sobre o Pego “Aldeia das Casas Baixas”:

A HISTORIA

 

O terramoto de 1755 na Aldeia do Pego

Memorias Paroquiais – “Censos” da Aldeia do Pego datado de 1758

As Festas do Pego e a sua História

As Festas do Pego e a sua História II

As Festas do Pego e a sua História III

As Festas do Pego e a sua História IV

“As Carvoarias do Pego” II - O trabalho da Mulher Pegacha.

A Historia da Paróquia do Pego

O Pego do Passado

A pronuncia da palavra “Pego”

A Aldeia do Pego no século XIX

AS LENDAS

Lendas e Histórias da Aldeia do Pego

Lendas e Histórias da Aldeia do Pego (cont.)



A ALDEIA

ARTESANATO ” PEGACHO” – TRABALHOS EM MADEIRA E CORTIÇA

Artesanato da Aldeia do Pego

Exposição de Artesanato na Aldeia do Pego

Petiscar – A tradição do Pego

Aldeia do Pego em Fotografia

A Aldeia do Pego em Fotografia II

"O orgulho Pegacho"

Características únicas da Aldeia do Pego - A Alma Pegacha

"GATEIRA" Documentário da carvoaria na freguesia do Pego - Abrantes.

A Biblioteca António Botto no Pego

Rancho Folclórico do Pego - Embaixador da cultura da Aldeia do Pego

 

GENTES DA MINHA TERRA


Gabriel Jacinto Serrano

Joaquim Gonçalves Pratas 

Nuria Serrano e os “MIMINHOS DA NURIA”

"Segredos da Madrugada" de Adélia da Quinta
Maria Hermínia Lopes Correia
O MEU AMIGO "TITA" (Francisco Gonçalves)!




Havendo muito mais para dizer, contar e relembrar sobre esta grande terra, fica para já este pequeno registo!
"Já que no Pego tivémos que nascer, somos Pegachos até morrer!"
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...